Início » Notícias » [vídeos] “Quanto se dependem as partes”, do Coletivo O12 (SP), coloca a prática da autonomia em questão

[vídeos] “Quanto se dependem as partes”, do Coletivo O12 (SP), coloca a prática da autonomia em questão

 

Primeiro projeto do Coletivo 012 (Votorantim, SP), Quanto se dependem as partes foi um rito de passagem importante para este novo momento que está se inaugurando. Segundo o coletivo, o trabalho “se localiza numa prática da autonomia, e pra demarcar que autonomia não é independência e sim uma exploração eficiente do corpo no ambiente, sempre na condição de co-dependência, inventamos esse nome parecido que demonstra uma continuidade no pensamento, mas que segue noutra direção agora.”

Sobre o Coletivo 012:

O Coletivo O12 é um conjunto de sujeitos e seus desejos, que se articulam através da dança, no palco, na rua, no vídeo etc. Seus pensamentos artísticos se vinculam à compreensão dos processos coletivos, ao abrigo das particularidades que compõem a coletividade, à busca da qualidade e democratização da informação, às formas colaborativas de produção de conhecimento, à inquietação crítica, à necessidade de colaborar com o estancamento dos processos de desvalor que tanto prejudicam a conquista da autonomia e, fundamentalmente, ao entendimento do que seja, de fato, a prática da autonomia. O12 se dedica a pesquisas artísticas em torno dos processos de conquista de autonomia em sistemas vivos.

Compõem o Coletivo: Rafael Bricoli, Lidi Domingues, Guilherme Santos, Tati Almeida, Thiago Alixandre, Preta Ribeiro, Ariane Sampaio, Lúcia Floriano, Vera Almeida, Lucas Amorim e Mari Mendes.

Comentários