Início » Notícias » Hans Ulrich Gumbrecht no Rio de Janeiro: bate-papo em livraria e exemplares gratuitos do novo livro

Hans Ulrich Gumbrecht no Rio de Janeiro: bate-papo em livraria e exemplares gratuitos do novo livro

O autor Hans Ulrich Gumbrecht vem ao Brasil e se junta ao professor Costa Lima para um bate-papo que acontecerá amanhã (8/out) no Rio de Janeiro (ver flyer acima), por ocasião do lançamento de uma coletânea de ensaios seus.

A coletânea em questão é “Graciosidade e estagnação: ensaios escolhidos”, publicada pela Editora PUC-Rio, que contém um ensaio dedicado a estabelecer relações entre dança e jogo. As primeiras linhas do prefácio escrito por Luciana Villas Bôas, professora do Departamento de Letras Anglo-Germânicas da UFRJ, são bastante convidativas:

O livro traça um perfil inusitado do seu autor: abre com um artigo sobre história dos conceitos, “Pirâmides do espírito”, e termina com um texto sobre dança, “Graciosidade e jogo”. O primeiro, uma visão retrospectiva da história dos conceitos como um movimento intelectual alemão, contém também uma meditação do autor sobre o seu prévio engajamento e o atual distanciamento de obras enciclopédicas dedicadas à historicidade da linguagem. O último esboça com agilidade o argumento de que não é preciso compreender a dança exclusivamente pelo único meio para o qual o autor se declara hábil: o discurso. O contraste entre a reflexão sobre os pesados volumes de história dos conceitos e o discurso sobre a suavidade efêmera da dança não é aleatório. Foi arquitetado de modo a destacar algumas rupturas e ramificações da produção intelectual de Gumbrecht nos dois últimos decênios.

O querido professor Augusto Sampaio, vice-reitor comunitário da PUC-Rio, disponibilizou 5 exemplares do livro, que o ctrl+alt+dança repassará para suas/seus seguidor@s. Se você segue a gente nas redes sociais (ou recebe nossas atualizações em seu e-mail) e ficou interessad@, basta nos enviar um e-mail (contato@ctrlaltdanca.com) com a seguinte mensagem no campo de assunto: “Eu quero o livro do Gumbrecht!” As/Os 5 primeir@s receberão um exemplar cada.

Comentários