Início » Notícias » [vídeos] Lugares e Danças: Maria Alice Poppe é a quinta entrevistada da série

[vídeos] Lugares e Danças: Maria Alice Poppe é a quinta entrevistada da série

[Maria Alice Poppe / foto: André Bern]

Quinta entrevistada de Lugares e Danças, projeto de André Bern desenvolvido exclusivamente para ctrl+alt+dança, a bailarina Maria Alice Poppe é uma das mais queridas e requisitadas profissionais do circuito carioca de dança contemporânea. De personalidade generosa e acolhedora, Maria Alice fez sua participação na série de entrevistas de maneira bastante potente e inspiradora. “A partir da conversa com Alice, tive um insight para uma nova sequência de bate-papos”, confessa André.

Como já havia acontecido em conversas anteriores da série, a entrevista com Maria Alice cobriu toda uma variedade de assuntos relacionados à sua trajetória na dança: dos primeiros passos no balé até os experimentos mais recentes no que diz respeito aos diálogos entre dança contemporânea e música, com os parceiros Maurício de Oliveira e Tato Taborda; além da experiência como professora dos cursos de graduação em Dança da UFRJ. Muit@s profissionais e mestr@s são mencionad@s ao longo de uma conversa realizada em clima de “sem hora pra acabar” numa das salas do prédio anexo da Escola / Faculdade Angel Vianna (RJ) – celeiro de artistas cariocas da dança no qual Maria Alice deu início a uma parceria bem-sucedida (de 11 anos) com Paulo Caldas, coreógrafo da Stacatto Dança Contemporânea:

(…) A gente ficava o ano inteiro pesquisando aqui na sala da Angel, pegava a sala emprestada, não tinha dinheiro nenhum! (…) A Stacatto surgiu assim, desse encontro, dessas pesquisas. Não tinha o nome “Stacatto”, ficava sempre Companhia Paulo Caldas… a gente não sabia muito bem. Até que realmente foi crescendo…

O fascículo em arquivo pdf com a conversa entre André e Maria Alice pode ser baixado na íntegra aqui. Abaixo, vocês conferem um trecho da entrevista em vídeo:

Leia mais:  André Bern e Gabriela Alcofra abrem a reedição dos Novíssimos no Teatro Cacilda Becker (RJ)

Comentários