Início » Notícias » Mulheres Negras na Dança: evento reúne criadoras em São Paulo e Taboão da Serra com entrada franca

Mulheres Negras na Dança: evento reúne criadoras em São Paulo e Taboão da Serra com entrada franca

Com atividades que se estendem de hoje a domingo (4 a 7/jun) nas cidades de São Paulo e Taboão da Serra (SP), o encontro Mulheres Negras na Dança (ver flyer acima) reúne criadoras de dança contemporânea com o objetivo de promover um espaço de compartilhamento de diversas experiências estéticas com o público. Três espetáculos, uma roda de conversa e duas oficinas de dança – liderados por Sayonara Pereira (coordenadora do Grupo LAPETT (ECA-USP)), Eliana de Santana (diretora da E2 Cia de Teatro e Dança), Gal Martins (diretora da Cia. Sansacroma) e Kanzelumuka (coreógrafa da Nave Gris Cia. Cênica) – compõem o evento, que acontecerá nos espaços Clariô (Taboão da Serra) e CITA (Cantinho de Integração de Todas as Artes, localizado no bairro do Campo Limpo, em São Paulo) com entrada franca.

O encontro busca lançar um olhar sobre a multiplicidade de experiências e produções artísticas em dança realizadas por artistas negras de diferentes gerações. Conforme aponta o texto de divulgação do evento:

As atividades e espetáculos do evento revelam diversas perspectivas sobre o fazer artístico, com materiais, estéticas e temáticas muito diversas (…) as mitologias da tradição afro-brasileira, o tanztheater alemão e as memórias pessoais, o corpo anônimo e marginalizado, ou ainda o corpo que vive a experiência da periferia e reverbera suas indignações sociais e pessoais.

Mulheres Negras na Dança é uma iniciativa da Nave Gris Cia. Cênica, que busca abordar e propor um diálogo sobre as questões étnico-raciais e de gênero presentes nas obras, ações e trajetórias profissionais das artistas convidadas. Hoje (4/jun, a partir de 19h), o encontro tem início com uma roda de conversa no Espaço Clariô, com a presença de Sayonara, Eliana e Gal, mediada pela bailarina-coreógrafa e mestranda em Artes Cênicas (UNESP) Kanzelumuka.

Leia mais:  "Sr. Calvino": Cia. Artesãos do Corpo estreia novo espetáculo de dança para espaços urbanos em São Paulo

[Em fev/2013, publicamos uma conversa entre André Bern (editor de ctrl+alt+dança) e Kanzelumuka. O bate-papo compôs o fascículo #2 da série Lugares e Danças.]

Sobre a programação de espetáculos do evento: amanhã (5/jun), há uma sessão de Dikanga Calunga, com a Nave Gris Cia. Cênica, às 20h; no sábado (6/jun), a E2 Cia de Teatro e Dança apresenta Afro Margin, às 20h; e no domingo (7/jun), o encontro conta com uma apresentação de Unterweg(s), com o Grupo LAPETT, às 19h. Todas as sessões acontecerão no Espaço Clariô.

Por sua vez, as duas oficinas que compõem o evento serão conduzidas no Espaço CITA: “Dança da Indignação”, com Gal Martins, no sábado (6/jun, 14h às 17h); e “Dança Negra Contemporânea”, com Kanzelumuka, no domingo (7/jun, 14h às 17h).

Para obter informações mais detalhadas sobre as atividades de Mulheres Negras na Dança, envie um e-mail para navegrisciacenica@gmail.com.

O Espaço Clariô fica na Rua Santa Luzia, 96 – Vila Santa Luzia (próximo ao pé do Morro do Cristo e ao Hospital Family) – Taboão da Serra (SP). O Espaço CITA localiza-se na Rua Aroldo de Azevedo, 20 – Jardim Bom Refugio (próximo ao Terminal Campo Limpo) – São Paulo (SP).

 

 

Comentários