Início » Notícias » Laboratório

Laboratório

LABORATÓRIO listas  liberdade  linha                    livros  limite  língua  luz

Patrícia Árabe no Lote Osso
Chamada para laboratório-intervenção conduzido pela artista Patrícia Árabe no contexto de residências artísticas Lote Osso / fonte: ctrlaltdanca.wordpress.com.

Um pouco diferente dos científicos são os laboratórios (ou, simplesmente, labs) de dança e das artes da cena: metodologias ou espaços criados para que atrizes/atores, performers ou dançarin@s possam, em situação de pesquisa, explorar seus corpos através de propostas criativas. Nesses ambientes surgem novos materiais, outras fontes mais inusitadas de pesquisa, que podem ser utilizadas como novas produções – de ações e cenas.

UNIRIO
Esquema presente no artigo intitulado Laboratórios Experimentais sobre a Interpretação Melodramática, de Paulo Merisio, publicado na revista virtual O Percevejo / fonte: www.ser.unirio.br

Os laboratórios são normalmente associados aos espaços mais livres de criação e experimentação de movimento, mas essa noção de liberdade não implica necessariamente num objetivo ou metodologia. Muitas vezes, os labs são propostos por coreógraf@s ou dançarin@s-pesquisador@s com trabalhos em desenvolvimento – que desejam testar suas criações em outros corpos. São espaços geradores de materiais de pesquisa, uma vez que as/os intérpretes se tornam criador@s e promovem novos movimentos, elementos de cena, encontros. Tudo depende da proposta, da condução e desenvolvimento do lab.

Tais espaços também são ótimos para produção de registros, sejam eles vídeos ou fotografias.

Beth Bastos em laboratório de partituras de dança / foto: Helena Yoshioka
FUI FOTOGRAFAR UM LABORATÓRIO DE PARTITURAS DE DANÇA NO INSTITUTO MIANI A CONVITE DA BAILARINA BETH BASTOS. FIZEMOS UM AQUECIMENTO PARA NOS CONCENTRARMOS NO NOSSO CORPO, RESPIRAÇÃO E MOVIMENTOS, E DEPOIS CADA UM SEGUIU COM O SEU TRABALHO.  — Helena yoshioka

 

Leia mais:  Escuta

[*] Esta postagem integra a série Repertórios – uma das ações do projeto Dança Carioca na Rede: Corpo e Memória.

 

Comentários